FANDOM


ExtremaEditar

Um dos mais desenvolvidos, sustentáveis e bonitos planeta da galáxia, possuí um povo amistoso, acalorado e pacífico. À primeira vista estas características poderiam indicar um povo enfado e tranqüilo, uma idéia contrária à realidade.

O povo de Extrema é composto por pessoas de espírito forte, honradas e determinadas. Em nenhum momento esqueceram os ideais pacíficos que seus antepassados cultivaram.

O planeta também é sede do GADE – Grupo de Apoio e Defesa Extreminiana. Criado com duas finalidades: para manter o povo de Extrema forte e preparado e servir com força pacificadora intergaláctica. É considerada a melhor força militar da galáxia, tanto pelos poderosos exoesqueletos, tecnologia natural desde planeta, quanto pelo espírito combativo dos extreminianos. Para conservar esse espírito, o GADE promove a graduação e ascensão de postos em suas frentes através de um sistema meritocrático, valorizando inteligência e esforço.

O povo também divide-se entre clãs, embora não são todos que fazem parte - ou se consideram – de um. Esta cultura se originou do passado e perdura-se até os dias de hoje.

O planeta localiza-se dentro do Sistema Torigan, junto com o planeta Trii-E. A Cidade de Extrema é a capital do planeta, e onde fica a sede do GADE e o Conselho de Anciões. Johano, o Guerreiro Vermelho lidera as forças do GADE, sendo o ultimo de seu clã vivo, junto com Espírito Onírico, a narubiana Ingred, que estava à séculos desaparecida e é a segunda em comando.

Capital: Cidade de Extrema

Tecnologia Relevante: Exoesqueletos estelares, propulsores de salto.

Personalidades influentes: Johano, Ingred, o Conselho dos Anciões

Povo: os extreminianos aparentam-se com os seres humanos normais, mas conseguem canalizar grande quantidade de chi, que utilizam em combate com maestria. Os narubianos conseguem fazer o mesto, mas também possuem habilidades psíquicas latentes.

Geografia: o planeta é belo e conservado. Com a ajuda de Uruona, conversam os ambientes naturais que possuem. As cidades são majestosas, imponentes e desenvolvidas. Também é rico em recursos naturais não renováveis, como combustível fóssil e cristais.

NarubianEditar

Este planeta foi destruído há meia década por Mei-Trii. Os poucos sobreviventes rumaram para Extrema, que receberam passe livre para morar no planeta e preservarem sua cultura. Os sobreviventes vivem na cidade de Roh-Narubian, ao sul da Cidade de Extrema. A atual líder e representante deste povo é Ingred, que também é a segunda em comando do GADE.

Estes sobreviventes trouxeram junto com eles a tecnologia dos propulsores de salto interestelar, cedendo-a para os extreminianos para ser utilizada na defesa do planeta.

Povo: são praticamente idênticos aos extreminianos, sendo distintos apenas pelas cores marcantes dos olhos, embora possuam capacidades psíquicas latentes.

Trii-EEditar

Este planeta possui uma origem incomum. Sua natureza o tornava inabitável, mas um processo de terraplanagem mudou completamente sua paisagem. Nele habitam um povo peculiar, os Tri-Rah, que realizou este processo para poderem habitá-lo e terem um local seguro depois que fugiram do planeta natal, Mei-Trii.

Inicialmente, Mei-Trii havia tomado posse de um tipo especial de nanotecnologia, e fundindo-a com uma inteligência artificial avançada para criar um robô capaz de alta adaptabilidade, disfarce e mobilidade, e também capaz de fazer julgamentos para enfrentar escolhas difíceis.

Embora no começo tenha garantido bons resultados para Mei-Trii, estes robôs adquiriram consciência própria e não eram mais úteis para Mei-Trii. Quando foi conveniente, foram descartados e seriam destruídos.

Alguns robôs planejaram as pressas um plano de fuga, e conseguiram sair do planeta em algumas naves roubadas. Para se esconderem, seguiram para um planeta inabitável na mesma galáxia de Extrema, e recebendo auxílio deste para continuarem escondidos. Com o tempo, estes robôs conseguiram desenvolver sua sociedade, fato que ocorreu há cerda de trezentos anos. Com suas características robóticas e inteligência artificial de ponta, desenvolveram uma economia forte e eficaz, pagando pela ajuda dos extreminianos em cinqüenta anos depois que chegaram ao planeta. A atitude dos extreminianos unificou ambos os povos. Os Tri-Rah são muito gratos pela ajuda que receberam.

Nos últimos anos, o cérebro deles foi tão aperfeiçoado e desenvolvido, que chega a se igualar a complexidade e imprevisibilidade do espírito humano. Ninguém descobriu como eles desenvolveram isso, mas eles atualmente agem como humanos, possuindo personalidades e individualidades distintas.

Capital: Tri-Rah-Ruu

Tecnologia relevante: inteligência artificial e nanotecnologia

Personalidades Influentes: Delta Oh-Seven RC-1207 ‘Sev’, líder da Esquadra

Povo: os Tri-Rah são robôs com nano-tecnologia, e com isso conseguem regenerar-se, mudar suas aparências e até a ter filhos – fruto de uma combinação binária singular entre os nano-robôs de dois Tri-Rah. Seus corpos são inteiramente metálicos, com cores fortes e vibrantes, e com capacidade para manipular qualquer tipo de metal com impulsos eletromagnéticos.

Geografia: boa parte do terreno é de difícil acesso, cheio de calcário e sem nenhuma vida. As partes povoadas são compostas por cidades projetadas e áreas arborizadas. À medida que a sociedade dos Tri-Rah avança, Trii-E vai ganhando forma.

UruonaEditar

Os místicos Hengeyokai são seres animalescos inteligentes. Dizem que há muito tempo, fundiram suas almas com as forças da natureza que existiam no planeta. Hoje toda a população lembra uma forma humanóide de animais.

Muitos na galáxia consideram este povo tribal primitivo, ingênuo e simples, mas mudam rapidamente de idéia quando são feitos de estúpidos ao tentar abusar deles acreditando nesta idéia. Os Hengeyokai’s são serenos, introspectivos e discretos, e preferem que suas atitudes representem suas palavras. A sociedade é liderada pelos Chefes Tribais, Chefes de Guerra e Líderes Diplomáticos, que são considerados exemplos destas atitudes.

Possuem uma sabedoria inigualável; os antepassados extreminianos foram aprendizes deles sobre os valores que preservam. Também utilizam suas habilidades bestiais em uma combinação técnica de luta corporal chamada Swara, que utiliza efêmera para conceder habilidades especiais.

Capital: Suhara

Tecnologia relevante: nenhuma, porém possuem recursos naturais renováveis.

Personalidades importantes: Uroun Uivo de Aurora, líder guerreiro da tribo e sua filha xamã, Saram Neve-na–Copa-da-Árvore.

Povo: Peludos, grandes e fortes, possuem reflexos bestiais, focinhos curtos, garras e agem instintivamente. Existe certa variedade de raças entre os hengeyokai, cada um seguindo a descendência de um tipo de animal específico do planeta. Eles também são relativamente longevos, podendo chegar facilmente aos cento e cinqüenta anos. A sua mágica está mais definida como um aspecto da natureza que eles são capazes de manipular, do que somente criar algo do nada derivado de um poder arcano. Por fim, tanto hengeyokai quanto ferino representa os nativos deste planeta, embora ferino é mais utilizado para “raça”, enquanto hengeyokai representa um “povo”.

Geografia: o planeta possui imensas árvores, florestas densas, matas virgens belíssimas, e verdadeiros monumentos na natureza. As cidades integram-se com a natureza, muitos prédios possuem alicerces em raízes de árvores.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.